Um pouco de coragem…

Tumblr_le430o9gac1qcmy8fo1_500_large

Olhos opacos miram o céu distante, que de tanta angustia perdeu o brilho e as cores, tornando-se então um teto de veludo negro – sem sequer uma estrela para refletir. Eu ando esquecendo de tudo, das flores, os cheiros, os medos e amores, das histórias, dos velhos tempos. Sinto-me obrigada a falar, e o que eu tenho pra dizer não é o que as pessoas querem ouvir. Sinto-me como se estivesse à beira de um abismo sem fim, lembranças não servem para alimentar a alma e o corpo pede socorro. Gritos podem ser ouvidos se você me abraçar e deixar o rosto próximo ao meu por alguns segundos, porém, já não os ouço, e nem mesmo sinto o toque de braços à me acalentar. O meu único alivio é correr, e eu já não sinto minhas pernas. Algo está errado, ou certo demais para que eu possa compreender. Não posso ignorar os fatos, não posso esquecer os atos. Tome conta desse corpo que agora desiste, esses olhos estão preenchidos de desespero e a dor bate mais forte que o coração. Agora fujo rumo ao sol que nasce lento no horizonte. A escuridão já não pode me parar, mesmo que minhas forças tenham sido extintas no ato de amar. O problema é essa singularidade, é essa fome de liberdade. A solução é o sentimento que sorri pra mim todas as tardes, é a sensação de céu que me envolve calmamente. O sol brilha, a escuridão foge. Ela voltará, eu sei. Mas sou covarde demais pra pensar nisso agora, quero acreditar que não vou perder-me, que a estrada não se tornará incerta. Quero um pouco de coragem pra sonhar e correr o risco de viver os meus sonhos.

@viajantejeans

Daniela Filipini – http://danielafilipini.blogspot.com/

0 Responses to “Um pouco de coragem…”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Verdade Feminina

A arte de saber a hora de se apegar e a hora de deixar

"Paraibana, modelo, detesta o meio termo. Pra mim só existe o sim, ou o não; O preto ou o branco. Odeio quem fica em cima do muro, ou ter que ficar em cima dele."

welcome

  • 550.541 acessos diários

" se tudo que quiséssemos acontecesse de uma hora para outra. Teriamos respostas para todas nossas perguntas e dúvidas, saberiamos o verdadeiro significado do amor e porque o céu é azul! "

Sabe quando você sente que precisa escrever mas não escreve porque tem medo de sentir?

Procurando

Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.

@viajantejeans

Contato ,dicas & criticas

jeansviajante@hotmail.com

%d blogueiros gostam disto: